• Ibicoara: Cipe-Chapada é recebida a tiros por criminosos no distrito de Cascavel

    Ibicoara: Cipe-Chapada é recebida a tiros por criminosos no distrito de Cascavel

    Achei Sudoeste
    12 Jul 2017 às 08:24
  • Esmeralda gigante encontrada no interior da Bahia avaliada em R$ 500 milhões é vendida

    Esmeralda gigante encontrada no interior da Bahia avaliada em R$ 500 milhões é vendida

    Achei Sudoeste
    12 Jul 2017 às 08:23
  • Nepotismo: Batata diz que Lane é prima, mas distante

    Nepotismo: Batata diz que Lane é prima, mas distante

    Raimundo Marinho
    11 Jul 2017 às 10:59
  • Deputado Marquinho Viana leva o prefeito de Livramento à SEDUR

    Deputado Marquinho Viana leva o prefeito de Livramento à SEDUR

    Brumado Agora
    31 Mai 2017 às 08:16
  • Divulgada a programação oficial do Forró do Sítio Novo 2017; confira os horários

    Divulgada a programação oficial do Forró do Sítio Novo 2017; confira os horários

    Livramento Agora
    31 Mai 2017 às 08:13
  • Livramento: Polícia Militar realiza solenidade de passagem de Comando

    Livramento: Polícia Militar realiza solenidade de passagem de Comando

    Bahia Verdade
    31 Mai 2017 às 08:12
  • Salvador: Prefeito de Livramento participa de reunião com Secretários do Governo Estadual

    Salvador: Prefeito de Livramento participa de reunião com Secretários do Governo Estadual

    Bahia Verdade
    30 Mai 2017 às 08:38
  • Livramento: Prefeito terá de exonerar esposa e mais dez servidores do município

    Livramento: Prefeito terá de exonerar esposa e mais dez servidores do município

    Brumado Notícias
    30 Mai 2017 às 08:11

Segundo a agência reguladora, conta de luz não terá taxa extra até abril

por Folhapress

06.Fev.2017 às 07:54

  • As contas de luz no Brasil deverão seguir com a bandeira tarifária verde, que não gera custos extras para os consumidores, ao menos até o final de abril, afirmou ontem o diretor-geral da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), Romeu Rufino.

    As bandeiras amarela e vermelha, que são acionadas quando há menor oferta de energia no sistema, geram a cobrança de um valor extra por cada quilowatt-hora consumido.

    "Até o final do período úmido, não vislumbro cenário que possa acionar bandeira amarela. No período seco, a partir de maio, depende de como fecharmos o período úmido, não dá para fazer essa previsão agora", afirmou Rufino.

    O diretor também descartou a necessidade de alguma revisão nos valores cobrados aos consumidores em novembro, quando foi acionada a bandeira amarela. Ou seja, quando o consumidor pagou R$ 0,015 a mais para cada quilowatt-hora consumido ou R$ 1,50 a cada 100 kWh utilizados.

    Segundo Rufino, não é necessária uma devolução de recursos aos consumidores porque a arrecadação gerada com a bandeira fica em uma conta e é repassada às distribuidoras de eletricidade conforme necessário, para custear a compra de energia de termelétricas, que têm a geração mais cara do que as usinas hidrelétricas.

    O sistema de bandeiras tarifárias começou a funcionar em janeiro de 2015. Nos últimos dois meses e em boa parte do ano passado não houve cobrança extra.

    Segundo o IPCA-15 (prévia da inflação medida pelo IBGE), em janeiro a conta de luz caiu 2,25% e, em 12 meses, 11,58%.

Gostou?! Odiou?! Mais ou menos?! Então avalie, dê sua nota


0

0 voto(s)
5
0%
4
0%
3
0%
2
0%
1
0%

Envie seu comentário Sua participação é muito importante


Clique para liberar o envio do formulário. Fazendo isso você estará aceitando os Termos e Condições deste site.